Tags

, , ,

Salaam

Andei sabendo que passou pela novela – “O clone” uma cena em que se diz sobre o Mu’ta – 0 casamento temporário.Então pra quem não sabe irei explicar o que é um.

Mut’a – casamento temporário

Mut’a é um casamento temporário, onde um homem pode se casar com uma mulher por um determinado período e mediante uma certa quantia (mahr), de comum acordo.Ou seja,a pessoa casa já sabendo quando tempo irá durar o casamento.Pode durar 1 dia,ou 10 anos.

No Mut’a, o marido não é financeiramente responsável pela esposa. Não há um conjunto de regras para esse tipo de casamento, Segundo os Shias. De acordo com a crença Shia, não são necessárias testemunhas ou a permissão de um guardião (o pai Sunni não aceita, pois para ele é um ato ilícito), e não há limite quanto ao número de Mut’a que um homem pode estabelecer.

O Mut’a não é permitido atualmente(para os sunnis,porque para os shias é halal – permitido),mas ele ja foi permitido para o sunnis.A razão de ele ter sido permitido no começo foi a de que muçulmanos estavam passando pelo que pode ser chamado de período de transição pré-Islâmico para o Islam. A fornicação era muito comum e muito difundida entre os árabes pré-Islâmicos.

Após o advento do Islam, quando eles tiveram necessidade de participar de campanhas militares encontraram-se sob fortes pressões devido a ficarem longe de suas esposas por longos períodos. Entre os crentes havia alguns que eram fortes em sua fé e outros que eram fracos. Os fracos temiam serem tentados a cometer o adultério, um pecado capital e um péssimo costume, enquanto que os que eram fortes, por outro lado, estavam dispostos a se castrarem, como narrado por Ibn Mas´ud:

”Participávamos de uma expedição com o Mensageiro de Deus (que a paz esteja com ele) e não trazíamos nossas esposas conosco, portanto perguntamos ao Mensageiro de Deus (que a paz esteja com ele): Não deveríamos nos castrar? Ele nos proibiu de faze-lo, mas permitiu-nos de contrair matrimonio com alguma mulher contratada até certa data, dando a ela uma vestimenta como dote (mahr)” (Al-Bukhari e Muslim).

Depois,o Islam cresceu e isso não era mais necessário,e o profeta proibiu de vez o casamento temporário:

Al-Juhani estava com o Profeta (que a paz esteja com ele) quando da conquista de Macca e que o profeta deu permissão a alguns Muçulmanos de contratarem casamentos temporários, Al-Juhani disse: “Antes de deixar a Macca o Mensageiro de Deus, disse”:
”Allah tornou-o ilícito até o Dia do juízo Final.”

Portanto o Mu’ta não é permitido hoje,pois seria como fornicação que é proibida no Islam.

Esste texto  – http://www.islamismo.org/depoimento.htm – conta a experiência de uma irmã que esteve envolvida em um mu’ta e nesse texto ela conta que o mu’ta não é bom para um sociedade muçulmana.

ps: eu já mais quis dizer que o shias são “maus” por adotarem a prática do mu’ta,quero dizer que alguns deles(não são todos) usam isso como fornicação.

Maa Salama

Anúncios